2 de mai de 2012

Umas poucas palavras

“Talvez a vida seja sim como uma montanha russa, cheia de altos e baixos. O amor talvez até seja como uma roseira cercada de espinhos. Mas que graça tem lutar uma batalha fácil? Sem desafios excitantes? Bom mesmo é deitar a cabeça no travesseiro à noite e dizer: Mais um dia, mais uma vitoria”
            Talvez você caro leitor, até esteja procurando em sua mente palavras para me descrever “um tolo”, mas não é bem assim, nossa sociedade presa muito pela comodidade humana. Levaremos em conta nesse texto alguns atos rotineiros, digamos comum, que ocorre conosco e que prova o quanto somos comodistas.
1.      O controle da TV para que evitemos levantar para trocar de canal.
2.      Aulas a distancia para que evitemos sair de casa para estudar o que me parece um absurdo!
3.      Os fast foods cada vez mais comuns para evitar perder tempo comendo, o que é outro absurdo.
4.      As redes sociais para conseguir amigos e/ou relacionamentos afetivos sem sair de casa.
5.      Tá entendendo? Fica cada vez pior.
Já passou da hora de levantar desse sofá e ir à luta. De viver realmente.
Estamos nos tornando “Porcos humanos”, comendo, dormindo e viciados em álcool, fumo e internet.
Já não usamos roupas por que gostamos ou achamos bonitas, mas por que a mídia impõe. Torcemos times, falamos bordões, caminhamos, gostamos de músicas apenas por que a mídia impõe isso para nós, ou seja, temos preguiça até de pensar. É triste ver a cidade suja por que não temos a decência de caminhar alguns metros até a lixeira para por o lixo. A sensação de abandono público por que o Estado não se move para abrir novos concursos e gerar empregos.
Não estamos nesse mundo de passagem como muitos dizem, estamos aqui para mudar alguma coisa pra melhor, seja ela grande ou pequena, importante ou quase insignificante. Mas pelo amor de Deus, vamos à luta caro leitor. Vamos mudar o mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário