24 de mar de 2011

Minha amada não lerá

Seria eu teu amado
Teu amado queria ser
Mas acho que dei mancada
Talvez eu possa te perder

Em pouco tempo juntos
Já sinto algo diferente
Seria o brilho do teu olhar
Ou o sabor de teus lábios ardentes

Poesia escrita
Pra pedir perdão
Talvez ainda consiga
Conquistar seu coração

Se fiz o que fiz
Foi pra provar que te amo
Pois ate na noite mais escura
E teu nome que chamo

Talvez agora
Suas amigas estejam lendo
Esta poesia de perdão
E de muito sentimento

Talvez agora
Nada esteja bem em sua vida
Mas espero que você saiba
Que sempre serei sua guarida

Talvez como eu
Você esteja a chorar
Mas pode ter certeza
Que sempre irei te amar


Nenhum comentário:

Postar um comentário